Marketplace de nicho: como alcançar o sucesso com essa tendência?

O marketplace de nicho é uma tendência no mercado de e-commerce e uma ótima oportunidade para quem deseja vender online. Isso porque as chances de venda são mais altas que em um marketplace tradicional, afinal estamos falando de um público bem segmentado.

O cliente que acessa um marketplace de nicho já sabe exatamente o que quer, por este motivo têm um alto nível de conversões. Por outro lado, este perfil de consumidor tende a ser bem criterioso no momento da compra, analisa tudo, mesmo que no fim tenha que pagar a mais pelo produto.

Marketplaces como a Zattini, Netshoes e Elo7, são alguns exemplos desse modelo de nicho e que têm dado muito certo. Apesar de ter um perfil bem segmentado, existem alguns pontos que devem ser levados em conta. Separei algumas dicas para ajudar quem deseja montar um marketplace de nicho de sucesso.

Descubra seu nicho

Podemos dizer que um marketplace de nicho ideal, precisa ter algumas características. Entre elas ter um público semelhante, que gosta das mesmas coisas. Este perfil de consumidor, não terá problemas em pagar um pouco mais para a proposta/empresa que melhor atender suas necessidades. Além disso, um nicho ideal é aquele que não atrai muitos concorrentes, afinal é um ramo bem específico.

A escolha do nicho não é tão simples, mas vou dar um exemplo prático. Digamos que você quer trabalhar com cosméticos. Dentro desta categoria existem diversas segmentações para escolher, o que você precisa é identificar qual desses nichos será mais interessante em termos de vendas. Neste caso, você poderia escolher produtos masculinos para tratamento capilar e pronto, aqui está o seu nicho.

Por mais que você se identifique com determinada área, você tem que fazer algumas perguntas para entender se realmente vai valer a pena investir. Quem serão meus consumidores? Eles serão atingidos por promoções? O que esse público valoriza? Qual a frequência de compra?

Além disso, é importante avaliar qual será a rentabilidade deste negócio. Faça algumas contas e veja se este tipo de nicho realmente trará lucros a médio e longo prazo.

Identifique o seu diferencial

Depois de conhecer bem seu público-alvo, você conseguirá identificar o diferencial a ser investido no marketplace de nicho. A partir desse momento você já sabe o que seu consumidor procura e deseja e desta forma consegue ter um direcionamento.

Você precisa escolher qual será o seu diferencial, seja no produto, no preço, na forma de entrega ou no atendimento. E quando lançar seu marketplace, deve explorar essa diferenciação ao máximo.

Defina seu posicionamento

Com o tipo de nicho e diferenciais escolhidos, você precisa definir um posicionamento. É necessário ter um posicionamento bem definido para evitar desgastes ou erros desnecessários.

O interessante é analisar as possibilidades de marketplaces existentes, antes de definir onde vai comercializar seus produtos. Afinal, sua proposta deve ser semelhante ao do marketplace, para que o consumidor se identifique. Se o marketplace de nicho for algo artesanal, por exemplo, o Elo7 é uma das melhores opções.

Invista no mix de produtos

Depois de estabelecer sua estratégia, chegou a hora de escolher os produtos que serão comercializados. A escolha do mix de produtos é bem delicada, por isso tome cuidado nesta etapa. No início opte por produtos que terão mais chances de vendas e acompanhe as métricas.

Além disso, procure parceiros que possam te oferecer uma boa quantidade de produtos, principalmente de indústrias/produtores, distribuidores ou importadores, para ter uma boa margem nas negociações.

Volume alto de acesso

Eu diria que o grande diferencial do marketplace para um e-commerce normal, é o tráfego de clientes. Se sua loja conta com alguns milhões de acessos por mês, faz sentido transforma ela em um marketplace. Se você ainda não chegou nesse patamar, invista primeiro nesse tráfego, pois as margens no marketplace são muito menores do que de um e-commerce normal. Somente com escala é possível ter lucro.

Mantenha a comunicação

Quando tudo estiver pronto e você começar a divulgar seus produtos, lembre-se de manter o cliente informado das promoções e novidades. Não se esqueça do pós-venda, afinal esta etapa é tão importante quanto a compra de fato.

Para finalizar, eu certamente indicaria para meus clientes e parceiros, criarem um marketplace de nicho. Mas, assim como outros modelos de negócio, é necessário planejamento e dedicação para obter sucesso.

 

Autor: Franklin Bravos